domingo, 26 de setembro de 2010

frio
frio bom, dos que dá pra
aguentar sem camisa
o cortante da brisa interferindo na respiração

frio dos que faz vicejar
o que há muito era sufocado pelo
calor incubado

frio do roxo das pontas dos dedos
bom, já digo, é pouco
comparado ao frio de dentro

2 comentários:

Eloisa disse...

agora compreendo os calafrios. duelo entre o frio de dentro contra o calor de fora.

Hugo, deu saudade dos braços fantasmas.

Ferdi disse...

Esquenta esse peito que me exaspera seu frio.