sábado, 24 de outubro de 2009

Desafio dos sete minutos

Bolhas na bile
Sobem e flutuam
Como os pensamentos sobre alguém
Onipresentes
Quebram a tensão superficial
Ao atingir o topo

A espuma quer me dizer algo
Que não entendo
Mas sei que é amargo
E o líquido transborda
Em confissões ínfimas
Desmente todo o resto

Façamos assim:
Eu pago essa cerveja e ficamos quites quanto ao almoço

2 comentários:

* L. disse...

Congratulações, bom resultado dos minutinhos corridos! Já o meu, é digno de chacota. Ariel, wtf. Quando digo que minha infância persiste em mim, não é à toa.

Katrina disse...

*anota*

Paga as cervejas mesmo?