sábado, 5 de setembro de 2009

Correio elegante e rude

Sont les mots qui vont tres bien ensemble


Por saber e não me esforçar
Em ser desajeitado
Tomar palavras erradas
Quando o que se quer dizer é simples
Seguir caminhos estranhos quando
O objetivo é tão palpável
E se quer dizer apenas o que cabe
Atingir um fim que não conheço
Mas já imagino perfeito

Um comentário:

Samara Raquel disse...

"Gastei UM FIM DE SEMANA pensando um verso que a pena não quer escrever. No entanto ele está cá dentro inquieto, vivo. Ele está cá dentro e não quer sair (...)" (Poesia, Carlos Drummond de Andrade)

Poxa, como é difícil escrever um correio elegante bacana, sabia? Recorri à citação de alguém famoso, que teve o mesmo problema que eu, daí você dá mais credibilidade ao que eu digo! hahahaha
Só que ele escreveu 'uma hora' e não 'um fim de semana', eu que mudei de abusada que eu sou.
Anyway, bom te ver.
Um beijo, fofura-rude.

Samara