terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

depois das palavras nas caixas
dos sorrisos em garrafas vazias
você me espera no carro
alheia aos rugidos na rua
a gente chama nossa música
de conversa de elevador
meias palavras e toques inteiros
me perdi e te encontrei
perdida sabendo o caminho
por entre destroços

Um comentário:

Eloisa disse...

Gostei do joguinho de palavras no final. Como você, perdido, pode encontrar alguém sendo que ela também está perdida. E se está como ela pode saber o caminho?

Um beijo :)